[

5 dicas para melhorar o trabalho em equipe

]
[ Home > Blog > 5 dicas para melhorar o trabalho em equipe]

Trabalho em equipe! Me pego pensando que esse tema é tão antigo quanto atual. Nunca tivemos tão dependentes uns dos outros, portanto isso é seríssimo. Em breve, teremos robôs trabalhando em muitas áreas de nossas empresas. O que pode significar diversas coisas, mas hoje vamos falar sobre a necessidade de trabalhar melhor em equipe, afinal, precisamos de um diferencial.

Anseios dos líderes

Certamente, potencializar os resultados da equipe é um anseio de 99% dos gestores. Sobretudo, quando você vira líder uma das primeiras perguntas é: como vou fazer para engajar e motivar esse pessoal, para fazer o que é preciso? Para responder essa questão, possuem inúmeros caminhos, tentativas, erros e acertos, até que cada um encontre seu estilo, um conceito, um livro, algo que ajude a descobrir essa ‘solução mágica’.

Alguns acertam logo de cara (me pergunto se por sorte), mas a maioria leva tempo até encontrar uma solução que funcione. Período esse, que cabe aos envolvidos entenderem, que faz parte do processo.

Como melhorar o trabalho em equipe, fazendo entregar mais?

Quando me deparo com esse questionamento, em primeiro lugar, já falo para o gestor de pessoas que ele não é responsável pela felicidade e motivação dos profissionais. Com isso, surgem as reflexões “Se não sou o responsável, não preciso fazer nada, certo? É só entregar as metas e objetivos de cada um e cobrar daqui um mês. Pronto, agora posso voltar pro meu ‘trabalho mais importante’”. Então, a segunda coisa que falo é que na verdade, ele é responsável por monitorar, perceber e compreender as pessoas de sua equipe.

Agora, vamos pensar um pouco sobre pequenas atitudes que podem otimizar essa relação: gestor x equipe. Se você ainda não parou para pensar nisso, essa é a hora!

Cada pessoa é diferente, um individuo único. Portanto, tudo começa por aí. Sendo assim, cada profissional da equipe tem um modo de fazer, pensar e querer, diferentes entre si. O que significa isso na prática? Significa que a personalidade e o jeito de fazer as coisas importam, já está mais que comprovado! Se as pessoas são diferentes, você precisa entender como cada um funciona, para que assim, obter o melhor desempenho da equipe. Em outras palavras, conhecer a fundo as pessoas é um processo, e não uma corrida.

A princípio, o próprio profissional tem medo de se abrir para o gestor, de se mostrar. Com o tempo e as ferramentas adequadas para isso, você identificará as fortalezas e as fraquezas de cada um.

Dica para começar

Reflita, pegue seu caderninho, faça uma simples lista para cada uma das pessoas de sua equipe e faça a relação dos pontos a seguir:

  • Pontos fortes, coisas que ele faz melhor que a maioria
  • Pontos fracos, coisas que ele faz pior que a maioria
  • Quais são as expectativas dele na carreira?
  • Como gosta de ser reconhecido, quais as formas?
  • Quais são as coisas mais importantes para ele no trabalho e fora dele?

Achou difícil? Conhecendo cada um da equipe, começando com esses 5 itens acima, você terá uma expansão de ideias o suficiente para trabalhar potencializando as fortalezas de cada um. Saber se estão no lugar certo, fazendo o que gostam, será a grande chave para aprimorar a liderança e o trabalho em equipe.

Portanto, nada mais ineficiente do que achar que a equipe deve se adaptar a você. Fazendo essas mudanças, suas reuniões, feedbacks, avaliações, formas de conversar, cobrar e monitorar ganharão novas cores, perspectivas e atitudes.

Lembre-se, o futuro está logo aí, portanto, comesse hoje a aprimorar sua gestão! Se quiser saber mais sobre esse e outros assuntos, acesse nossos artigos.

Publicado em Fevereiro de 2019.

AUTORA [People ]
VOLTAR
Cadastre-se e receba
novidades em seu e-mail